LOGIN
TESTE GRÁTIS
LOGIN
Marketing

E-commerce no Natal: 5 Dicas para suas campanhas

Segundo a pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), 77% dos consumidores irão presentear alguém no Natal deste ano.

E os e-commerces não podem ficar de fora, visto que, segundo a Pesquisa de intenção de compras de Natal da CNDL e do SPC, 41% dos consumidores brasileiros pretendem adquirir produtos em lojas online no Natal.

Então, para preparar a sua loja virtual para as últimas datas comerciais do ano, trouxemos algumas dicas:

1. Layout do site

Da mesma forma que arrumamos a casa e nos arrumamos para o período natalino, mudar o layout do seu site e sugerir por e-mail e redes sociais opções de presentes e produtos para entrar no clima estimula os visitantes a fazerem novas compras. Isso resulta em maiores vendas e mais compras por impulso.

2. Facilidade de pagamento

Quanto mais simples e intuitivo o processo de pagamento, maior a chance do usuário comprar. Até porque é muito provável que ele desista se o processo for demorado ou plicado.

Incluir o botão “comprar com um click” pode ajudar muito nesse processo.

3. Invista em uma divulgação assertiva

Em épocas comemorativas praticamente todas as empresas estão fazendo divulgação pesada e é comum querer criar algo diferente para se destacar.

Porém, antes de tentar inovar na comunicação, pode ser muito mais efetivo investir no “Feijão com Arroz” bem feito.

Para isso, defina seu público-alvo, objetivos e foque em canais atrativos para ele com uma mensagem simples e clara.

4. Redes Sociais

Ao determinar o público-alvo e os canais da campanha, podemos elaborar as diferentes redes sociais disponíveis não só para divulgação, mas para melhorar o relacionamento com os clientes.

Uma boa presença digital se faz com conteúdo orgânico e condizente com a marca, o que é ótimo pois economiza com mídia paga e pode trazer um engajamento muito maior com os clientes.

Para se manter presente, poste em dias estratégicos – você pode ver os dias e horários que seu público está online na aba informações do Facebook e do Instagram – e crie conteúdo relevante para seu consumidor.

Ao usar mídia paga você pode impulsionar as postagens para que elas apareçam nos dias que você não postar, mantendo-se assim presente nas redes sociais.

É interessante que você configure suas campanhas para pagar mediante a uma ação do usuário, dependendo do seu objetivo. Assim, seu investimento será melhor controlado.

5. SEO e Conteúdo

Além de pensar na mídia paga, é fundamental repensar no SEO ao impulsionar as vendas no Natal.

Caso você não saiba o que é SEO: quando você digita um termo no Google, ele usa diversos mecanismos para encontrar as páginas mais relevantes para sua pesquisa. Para isso, ele faz uma varredura na internet e analisa diferentes pontos para criar o ranqueamento. Isso é o SEO.

Para a sua página ir para as primeiras posições nas resposta no Google você pode fazer algumas configurações simples na página como usar links internos e externos, uma URL que tenha a ver com as palavras-chave pesquisadas no Google em relação àquele assunto e usar estas mesmas palavras-chave ao longo do título e do conteúdo.

#PLUS

Dicas para evitar o abandono de carrinho:

Há algumas configurações que você pode fazer no site além da facilidade no pagamento (que já comentamos acima).  Algumas coisas que podem agilizar o processo de compra do cliente:

  • Monitorar o desempenho das campanhas com frequência;
  • Check-in nas redes sociais;
  • Pop-up com desconto caso intenção de sair da página;
  • E-mail relembrando de carrinhos abandonados;
  • Menor quantidade de informações solicitadas;
  • Frete grátis ou com desconto;
  • possibilidade de entrega expressa ou por motoboy;
  • possibilidade de retirar o produto na loja.

Gostou das dicas? Tem mais alguma dica ou conselho para os e-commerces para essa época? Comenta ai.